Liderança: a clássica discussão Chefe x Líder

Reading time: 4 minutes

No mundo dos negócios, há uma discussão que sempre gera dúvida quanto ao seu conceito e à sua aplicabilidade. O que torna uma pessoa chefe ou líder? Existe uma diferença entre as nomenclaturas ou trata-se de sinônimos?

Saiba que, na verdade, há bastante diferença entre empresas que têm chefia ou liderança. E essa diferença não é apenas conceitual, ela pode estar impactando no clima organizacional, na motivação e no engajamento de sua equipe e, consequentemente, nos resultados de seu negócio. Saiba como, a seguir!

Designed by Freepik

O que é ser um líder

Vamos começar por aquele conceito que realmente traz efeitos positivos a uma empresa e à sua equipe. O líder é conhecido como aquele que conduz as pessoas e as inspira. Ele é um motivador, por mostrar a direção que sua equipe deve seguir e ajudá-los nessa jornada, não apenas orientando-os, mas fazendo parte do time.

O líder não suscita medo, mas respeito, admiração e confiança, por ser empático e buscar sempre a maneira mais eficiente para que os resultados apareçam e suas equipes se desenvolvam.

No âmbito da sociedade, é possível identificar pessoas que exercem a liderança por serem líderes natos, para eles essa missão é mais fácil, embora sempre haja a necessidade de aperfeiçoar-se.

O que é sabido é que quando há uma pessoa que desempenhe bem o papel de líder, os benefícios são muitos para a empresa, tendo em vista que, uma equipe bem conduzida e mais motivada se torna mais eficiente, produtiva e engajada.

O que é ser um chefe

A definição aqui é um pouco diferente do que já vimos em relação ao líder. Um chefe é aquele que, ao contrário do líder, tende a comandar pessoas impondo ordens e sendo autoritário, além disso, é centralizador e pensa apenas em resultados e lucros.

O chefe se difere do líder também em outro ponto, já que os chefes são temidos e não respeitados. Para eles, os funcionários são vistos como subordinados e consequentemente devem seguir as ordens da maneira que ele, o chefe, entende ser mais eficaz, sem deixar que o funcionário exponha suas ideias ou melhores caminhos para que sejam realizadas determinadas atividades.

Outra diferença em relação ao que vimos sobre quem exerce uma liderança diz respeito aos resultados. O chefe não motiva ou incentiva a colaboração de seus funcionários, muito pelo contrário, ele faz questão de apontar erros, jogar a responsabilidade para cima da equipe quando algo dá errado e se vangloria quando um objetivo é alcançado.

Em empresas de segmentos mais tradicionais e com valorização da estrutura hierárquica verticalizada ainda encontramos diversos chefes que atuam seguindo o modelo “comando e controle”, baseado na imposição, que não desenvolveram sua liderança.

Como as startups estão crescendo por possuírem bons líderes

Para o crescimento e a consolidação de uma startup faz-se necessário que o empreendedor vista cada vez mais a camisa de líder e deixe de ser um chefe.

O relatório Startup Genome Report, que analisou 650 startups do Vale do Silício, concluiu que fundadores bem informados e bem assessorados tendem a se dar melhor no mercado.

Em startups, para o trabalho dar bons frutos, é preciso que o líder pegue junto, dando o exemplo, estimulando que ideias criativas surjam e que sua equipe desenvolva suas potencialidades e cocrie soluções inovadoras.

Cerca de 80% dos participantes de um estudo da Dale Carnegie, afirmaram ser fundamental para sua satisfação que seu líder ouça suas ideias. Essa é uma das chaves do sucesso das startups: a contribuição ativa dos membros das equipes que, estimulados por seus líderes, desafiam-se a trabalharem em conjunto em busca de soluções mais eficazes e inovadores para a empresa – e, de acordo com um estudo da Herman Miller, há uma relação entre a colaboração nas equipes e a inovação nas organizações, o que torna a liderança nas startups ainda mais estratégica.

Como bons líderes motivam os funcionários

Há várias formas de motivar funcionários. A primeira delas talvez seja a mais simples, mas muito efetiva, que é reconhecer o sucesso e o bom trabalho, elogiando no dia a dia tarefas bem executadas, dando feedback sobre o trabalho individual e da equipe.

Além de dar um bom retorno e ouvir com atenção sua equipe, um líder motiva seus funcionários ao dar o exemplo de liderança em todas as atitudes e ao delegar atividades, mostrando que confia no trabalho desempenhado por determinada pessoa, que ao receber alguma atribuição sente-se valorizada e consequentemente quer dar o seu melhor.

Em sua empresa há mais líderes ou chefes? Você tem mais alguma dica ou exemplo sobre o tema? Deixe sua mensagem nos comentários!

About Guilherme Junqueira

Empreendedor, Educador e Recrutador.
CEO da Gama Academy