Como fazer onboarding de novos colaboradores

Reading time: 6 minutes

Você já deve conhecer a máxima que diz que “a primeira impressão é a que fica”, certo? Quando se trata de receber os novos colaboradores, o processo de onboarding é fundamental para causar uma boa primeira impressão e para que a relação de sua startup com o novo funcionário comece e permaneça bem.

O onboarding é a etapa em que os novos contratados se integram ao ambiente organizacional. Nessa fase, eles conhecem a cultura da empresa, o ritmo de trabalho, os colegas, etc.

Por mais experiente que o profissional possa ser, ingressar em uma nova empresa representa uma mudança de vida; o novo colaborador imergirá em um novo ambiente, com um funcionamento específico, com pessoas desconhecidas.

Por isso, para que o contratado sinta-se bem-recebido e motivado já desde seu primeiro dia, é fundamental criar ações de onboarding para recebê-lo. Confira a seguir, 8 dicas para ajudá-lo a fazer o onboarding de novos funcionários.

Onboarding

8 dicas para fazer o onboarding dos novos colaboradores

1. Desenvolva uma cultura de boas-vindas

Sobretudo em empresas com culturas mais tradicionais, há líderes que incentivam a concorrência e a competição entre os colaboradores. Esse tipo de ambiente não torna-se favorável para acolher novos funcionários.

Assim, desenvolva uma cultura de boas-vindas em sua startup; demonstre que a colaboração e não a competição é incentivada e valorizada na organização.

Sensibilize seus funcionários para lembrar do quanto os primeiros dias podem ser difíceis para quem é novo em um ambiente e para que eles acolham bem seus novos colegas.

2. Promova o alinhamento com a cultura e os objetivos da empresa

Logo após a contratação, é importante que já se inicie o alinhamento do colaborador com a cultura e com os objetivos da empresa. É preciso que o novo contratado compreenda seu papel dentro da organização e que tenha o entendimento de como ele pode contribuir para melhorar os resultados da empresa.

3. Realize reuniões ou encontros para apresentar os novos colaboradores

Faça uma reunião com todo o time para apresentar o novo contratado. Há também empresas em que o gestor ou um funcionário determinado acompanha o novo colaborador setor a setor e o apresenta para os colegas.

4. Defina funcionários para ajudarem no processo de adaptação

A fim de facilitar a adaptação do funcionário, uma dica é eleger um ‘padrinho’ ou mentor que será a pessoa responsável por apresentar a empresa na prática ao novo colaborador, fortalecendo o elo entre a organização e o contratado.

Defina um colaborador mais antigo e engajado para acompanhar o novo colaborador de perto, orientando-o e ajudando-o com questões mais funcionais quanto a procedimentos, localização de materiais, apresentação aos colegas e às instalações da empresa, etc.

Essa ação simples ajudará a valorizar a experiência e o comprometimento de seu funcionário atual e facilitará a integração do novo contratado à cultura e ao ambiente organizacional de sua startup.

5. Organize com antecedência o material de trabalho do novo funcionário

Nada pior do que iniciar no novo emprego e encontrar uma estação de trabalho vazia, não saber a senha para acessar os sistemas ou mesmo ter o sistema instalado no computador, certo? Além de deixar o funcionário desorientado, isso prejudicará a sua produtividade.

Para que seu novo contratado sinta-se mais confortável e acolhido, organize com antecedência os materiais e recursos necessários para o seu início de trabalho. O padrinho ou mentor determinado poderá ajudar nessa tarefa.

6. Avalie a realização de ‘rodízios’ em todas as áreas da empresa

Muitas startups convidam o novo contratado para fazer um ‘rodízio’ em todas as áreas para entender melhor o funcionamento da empresa. Essa prática também contribui para uma melhor integração do colaborador com os colegas de outros setores e favorece a criação de uma visão mais abrangente e completa de seu negócio.

7. Deixe claro quais são as metas e os critérios de avaliação

A fim de não gerar turnover ainda nos primeiros dias dos novos funcionários, é preciso que, desde o processo de seleção, sejam definidas e compartilhadas as metas e os critérios de avaliação dos colaboradores.

O ideal é desenvolver ações contínuas de feedback a fim de promover um alinhamento constante entre expectativas e objetivos organizacionais.

Como quem está iniciando precisa de orientação regularmente, é importante que sua startup não realize apenas a avaliação ao final do período de 90 dias, mas com espaços menores, como no final da primeira semana, aos 15 dias, ao final do primeiro mês e assim por diante.

Tudo isso trará resultados: empresas com um processo de onboarding bem desenvolvido registram produtividade do novo colaborador 54% maior e uma taxa de retenção de novos funcionários 50% maior. Além disso, de acordo com estudo, 87% dos funcionários de empresas referência em seus processos de onboarding registraram o atingimento das metas estabelecidas dentro do período planejado.

8. Promova treinamentos constantes

Crie um programa de integração cuja composição já inclua, desde o início dos trabalhos, treinamentos importantes para que os novos funcionários comecem na empresa alinhados, motivados e preparados para seus desafios.

Um estudo demonstrou que treinamentos bem estruturados realizados nos primeiros noventa dias dos novos colaboradores na empresa são bastante efetivos para que esses funcionários sintam-se motivados e sejam mais produtivos.

No entanto, os treinamentos não devem ser oferecidos apenas quando os colaboradores ingressam na empresa, eles devem ser promovidos de modo contínuo, seguindo uma matriz de desenvolvimento e incentivando habilidades que impulsionem os colaboradores para seguirem seu plano de carreira. Assim, ele ficará engajado e será mais produtivo e inovador em suas tarefas.

Quando o onboarding é realizado corretamente, ele gera maiores níveis de engajamento e motivação, maior comprometimento organizacional e ajuda a melhorar a performance dos novos colaboradores e a reduzir o estresse gerado tanto para os funcionários atuais quanto para os novos durante o período de adaptação dos recém-contratados. Além disso, de acordo com estudo, um onboarding eficiente de novos funcionários pode reduzir seu turnover e fazer com que 69% dos novos colaboradores permaneçam na empresa por mais de três anos.

Sua startup já possui processos de onboarding? Como é feita a integração de novos colaboradores? Deixe sua mensagem nos comentários!

About Guilherme Junqueira

Empreendedor, Educador e Recrutador.
CEO da Gama Academy